Tartare!

13 03 2010

São Paulo is burning: depois de um friozinho quase outonal, o verão resolveu mostrar que até dia 21 é ele quem manda.

E nesse calorão, nada melhor do que comida crua. Procurando por receitas que eu poderia fazer com o St. Pierre que tinha em casa, fiquei intrigada por uma receita de Tartare. Eu tenho uma paixão quase primata por carpaccios, salmão defumado, sashimi e tartare, mas nunca penso em fazer essas coisas em casa. Fiquei intrigada e resolvi tentar.

Estou testando aqui também novas fotos com minha câmera nova. Além de aprender a cozinhar, resolvi aprender a fotografar. Estaria eu virando um cliché do online? Blog + Comida + Fotografia? Whatever, isso me faz feliz.

Voici le…

Tartare de Saint Pierre

Receita adaptada do CyberCook – aliás, Cybercook, vamos dar um tapa nas receitas? Essa aí é demais e está super jogada. A receita é do chef Emmanuel Bassoleil.

Ingredientes

350g de saint pierre limpo, sem pele, cortado em cubos

1 maçã verde cortada em cubos

3 talos de salsão cortado em cubos

70g de nozes picadas

1/ 2 colher de coentro seco (eu usei fresco, mas é tão pouco, nem vale a frescura)

Suco de 2 limões

Azeite, sal e pimenta do reino a gosto

Molho

50ml de azeite

50ml de shoyu

Primeira observação: Na receita original, no lugar do salsão, estava erva-doce. Eu troquei porque detesto erva doce, me faz passar mal. O salsão tem um gosto bem forte que eu gosto bastante. Talvez com erva doce fique mais leve e adocicado, caso prefira. Ele também sugere colocar erva doce seca. Discutindo a substituição com minha amiga chef, ela sugeriu gergelim ou linhaça. Se consagre na personalização.

Modo de preparo

Misture o peixe, a maçã verde, o salsão e o coentro. Ponto importante: É muito pouco coentro mesmo! Coentro é super forte, se colocar mais ele domina tudo. Mas um pouco faz uma graça.

Coloque então as nozes, e surpreenda-se: elas fazem toda a diferença! Nozes são o segredo do sucesso desse tartare.

Tempera com azeite, sal e pimenta. Antes de servir, acrescente o suco de limão. (Peixe + limão = amor)

Pra fazer o molho, misture o azeite e o shoyu.

O mais legal dessa receita é que, apesar de meio jogada no Cybercook (sério, parece que o Saramago escreveu. Vírgulas, pontos e parágrafos, gente!), ela tinha uma dica de montagem! E fica lindo fazer, é fácil.

Montagem: use um aro para enformar. Coloque o molho em volta e decore com folhas (alface e ervas).

Não pus as folhas nem usei o aro. Mas mesmo assim ficou legal só com o molho em volta. Veja o que acha.

A foto também fui eu que tirei. E editei! Só faltou limpar as bordas do prato. Oops.

Tartare de Saint Pierre, originally uploaded by drizon99.

Eu garanto que essa receita ficou fantástica. Eu adorei, pelo menos. É bem fácil, rápida e é só sucesso.


Ações

Information

2 responses

16 03 2010
chrisyano

Uau! Hmmm, essa eu tive vontade de comer. Quando for para São Paulo você faz pra mim, porque eu não ando muito cozinheira ultimamente. Beijão.

23 04 2010
Rebeca

UAU!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: